CUBO 3X3X3 - MÉTODO BÁSICO - 1º PASSO


1º PASSO
CRUZ BRANCA


2º PASSO
ALINHAR A
CRUZ BRANCA


3º PASSO
FINALIZAR A
CAMADA BRANCA


4º PASSO
FINALIZAR A
SEGUNDA CAMADA


5º PASSO
CRUZ AMARELA


6º PASSO
FACE AMARELA


7º PASSO
QUINAS DA
ÚLTIMA CAMADA


8º PASSO
MEIOS DA
ÚLTIMA CAMADA

O primeiro passo deste método é solucionar uma cruz com os 4 meios brancos ao redor do centro amarelo, ou seja, ignore as quinas brancas e outras peças semelhantes.

É um passo extremamente intuitivo e servirá para que você conheça melhor o cubo, seus movimentos e suas possibilidades.
Dica: Evite fazer movimentos aleatórios sem saber exatamente qual o real objetivo de cada um.

Concentração e paciência serão condições básicas para que você tenha sucesso na solução do Cubo Mágico. Leia e releia cada passo, acompanhe as dicas e preste muita atenção no sentido dos movimentos e na posição correta do cubo.

Boa sorte!
Indico que você treine realizar este passo praticando-o sozinho para descobrir os melhores “atalhos” para obter o resultado desejado, porém, seguem algumas dicas das possíveis situações que você provavelmente encontrará:
Este é o caso mais simples, onde um meio branco está na frente do cubo e logo acima existe um “espaço vazio”.

Neste caso, realize o movimento R. Caso o meio branco esteja na base, realize o movimento R2.
Este caso é extremamente semelhante ao anterior, porém, antes de simplesmente “subir” o meio branco que está na frente do cubo para o topo, você precisa levar um “espaço vazio” na direção deste meio, pois já existe outro meio branco na direção dele.

Neste exemplo, o “espaço vazio” está logo a minha frente, sendo assim, vou realizar o movimento U’ para posicioná-lo na mesma direção do meio branco.

Feito isso, eu posso encaixar o meio branco no topo do cubo com o movimento R.
Neste caso nós temos um meio branco na lateral do cubo e um “espaço vazio” logo a sua frente.

Basta realizar o movimento F’. Caso o meio branco esteja na base do cubo, realize o movimento F2.
Este é um caso um pouco mais complexo, mas ainda assim bem simples de ser realizado.

Primeiro você deve manter o “espaço vazio” em cima do meio branco (como demonstra a primeira figura) e então executar o movimento R para posicionar este meio na lateral do cubo (conforme o resultado da segunda figura).

Perceba que vai ficar um caso bem parecido com os anteriores. Realize o movimento U para levar o “espaço vazio” na direção do meio branco da lateral, e por fim, o movimento F’ para posicionar o meio branco no topo do cubo.

Este é um exemplo do 1º PASSO finalizado.

Confira se seu cubo está semelhante e
prossiga para o próximo passo:

2º PASSO - ALINHAR A CRUZ BRANCA
 

SAIBA MAIS
MOVIMENTOS BÁSICOS
Cada uma das 6 faces do cubo é representada por uma letra que significa um movimento.
CASOS IMPOSSÍVEIS
Existem alguns casos que são impossíveis de acontecer apenas com os movimentos padrões.
CURIOSIDADES
Você sabia que o Cubo Mágico é o 2ª item mais vendido do mundo perdendo apenas para a Bíblia?