ARTIGO JORNAL HOJE
"A semana passada, contei a história da mãe que transformou o sonho de levar suas filhas à Disney em um negócio bastante interessante. Agora, quero contar a história de um adolescente que começou um grande negócio brincando. Isso mesmo!

Como ele mesmo conta em seu site (www.cubovelocidade.com.br), tudo começou lá pelos idos de 1983, quando seu pai entrou na onda do “cubo mágico”, como ficou conhecido no Brasil o mais famoso quebra-cabeças de todos os tempos: o “Rubik’s Cube”. Seu pai registrava em uma folhinha de caderno todo o sistema lógico que o permitiria vencer o desafio de montar o cubo. Depois do êxito, a folhinha foi guardada em algum lugar e esquecida.

Os anos se passaram... A vida prosseguiu.

Durante uma faxina, em 2007, a folhinha reapareceu. Nessa época, Renan já entrava na adolescência. Curtia ver ser pai tentar, mais uma vez, montar o complicado cubo. E, de novo, ele conseguiu! Admirado, o jovem também quis tentar, afinal, “filho de peixe, peixinho é”.

Aqui, abro um parêntese: pensamentos do tipo “se ele pode, eu também posso” são um dos mais fortes impulsos para empreendedores. Porém, somente acredita que “se ele pode, eu também posso” aqueles que estão com a auto-estima em boa forma. Estar bem consigo mesmo é essencial para que grandes projetos e desafios sejam superados. Baixa auto-estima não combina com histórias de sucesso!

Pois bem, Renan Cerpe, o jovem que gostava de desafios, e que tinha uma boa percepção de si mesmo, começou a brincar de montar o cubo. E gostou! Aprendeu sistemas complexos, com fórmulas e esquemas, para aprimorar cada vez mais sua técnica. Pesquisou métodos para aprimorar a velocidade de resolução do problema. Descobriu uma comunidade de pessoas que também eram aficionadas pelo “brinquedo”. Abriu canais de comunicação com fornecedores de cubos originais e de outros modelos de quebra-cabeças igualmente interessantes. Criou um site! Na página pessoal, Renan declara sua missão: “ajudar outras pessoas que também gostam de um desafio”.

Outro parêntese importante de se abrir nesse ponto: empreendedores que descobriram a “receita de servir” são aqueles que desenvolvem os melhores “cases” empresariais. Servir é a essência desses realizadores. Quando se faz isso com autenticidade, o sucesso é certo. Acho que ninguém nunca ensinou isso a Renan. O que também mostra que não é preciso saber de certas coisas para se tornar um empresário. Muitas mulheres e homens de negócios começaram movidos por uma paixão e por aquilo que sentiam no coração. Essa é a melhor forma de se vencer na vida.

Renan agora é um líder em sua área. Tornou-se uma referência no assunto, apesar de ser o mesmo adolescente que começou tudo isso. Ele revende produtos, cria competições, elabora rankings e “presta consultoria”. Continua se divertindo muito e adora brincar de “montar” o cubo. Entre aulas de pianos, momentos de lazer e oração com sua família, e em pleno período de intensa atividade escolar, ele mantém um negócio que só faz acrescentar coisas positivas em sua vida.

Renan não precisa ter escritórios, dar expedientes, ou contratar funcionários. Ele pode simplesmente vender publicidade no seu site, e assim ter receita suficiente para financiar sua diversão, e quem sabe até outras coisas mais.

Acredito que os pais desse jovem – responsáveis em vários sentidos por tudo isso que aconteceu com Renan – devem sentir muito orgulho do filho que têm. Um garoto inteligente, equilibrado e muito bem estruturado do ponto de vista familiar, religioso, moral e educacional – e que, ainda por cima, se transformou em um grande exemplo de empreendedor.

A partir de uma brincadeira, um passatempo, é possível pavimentar uma confortável e segura pista para um futuro promissor. Bom, agora preciso ir, pois Renan me passou um complicado sistema de mais de 100 fórmulas para eu treinar e reduzir meu tempo atual de resolução do cubo mágico que atualmente é de 1 minuto e 17 segundos. Quer aprender? Acesse o site do Renan.

Carlos Von Sohsten - Jornal de Hoje 14 de outubro de 2008.

SAIBA MAIS
HISTÓRIA DO CUBOVELOCIDADE
Tudo começou em 2007 quando meu pai me ensinou os primeiros passos para resolver o Cubo Mágico.
TREINO PARA A CRUZ
Este treino é especialmente para você que ainda leva muito tempo para finalizar a cruz inicial.
CURIOSIDADES
Você sabia que o Cubo Mágico é o 2ª item mais vendido do mundo perdendo apenas para a Bíblia?